Seguro de vida individual x Seguro de vida em grupo: 3 diferenças

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
seguro de vida

O seguro de vida é uma garantia para casos de imprevistos. Assim como protegemos nossos bens materiais fazendo seguro de carros e até de eletrônicos, devemos ficar atentos também à nossa segurança financeira assim como dos familiares e ou aqueles envolvidos diretamente com as nossas finanças. Entender as diferenças entre os seguros oferecidos pelo mercado é essencial para fazer a melhor escolha para as suas necessidades.

Seguros de vida individual

O seguro de vida individual é aquele que envolve duas partes: a seguradora e o segurado. Ou seja, o individuo (pessoa física) é o responsável pela contratação e pelo custeio da apólice. Ele é feito de acordo com a individualidade de cada segurado.  As características pessoais, como idade, sexo, estado civil, estilo de vida, profissão e condições de saúde são consideradas para a definição das coberturas.

As garantias, prêmio, prazo e forma de pagamento são negociados entre as duas partes.

Seguro de vida em grupo

Já o seguro de vida em grupo é aquele que envolve três partes: a seguradora, uma empresa e ou associação profissional, entidades de classe, e os segurados. Nesse caso, uma pessoa jurídica chamada estipulante, é quem vai ser responsável pela contratação e custeio da apólice.  Ele é feito de acordo com o que o estipulante define.

As garantias, prêmio, prazo de vigência dentre outras condições são de escolha da empresa sem negociação isolada com os segurados, que já ingressam em uma apólice existente e pré-determinada.

Qual seguro de vida escolher?

Podemos dizer que as grandes diferenças entre o seguro de vida individual ou em grupo é o nível de personalização, “controle” da apólice e contratação.

Em ambas as modalidades, o seguro de vida é uma forma de se proteger financeiramente contra imprevistos que podem acontecer com qualquer um. Ele pode ajudar a garantir as condições necessárias para arcar com diversas despesas, auxiliar no sustento dos dependentes, ou ainda garantir a renda se a pessoa ficar impossibilitada de gerá-la.

No caso do seguro de vida coletivo, que em quase todos os casos, está atrelado à empresa que o segurado é contratado, só garante os benefícios enquanto a pessoa estiver empregada, ou seja, em caso de demissão perde-se o seguro. Uma das vantagens desse seguro de vida é o menor preço em decorrência da forma simplificada de contratação.

Já com o seguro de vida individual que é feito com base na vida e condições do indivíduo, é possível personalizar e incluir benefícios para ser usado ainda em vida, o que dificilmente ocorre nas apólices coletivas. Ou seja, se preferir ter mais controle sobre seus direitos enquanto segurado, é indicado que se faça um seguro de vida individual, mesmo que já seja faça parte de um seguro coletivo.

Mas Lembre-se: para aproveitar todos os benefícios de um seguro de vida, é importante ter conhecimento das coberturas, condições e validade da apólice.  Na dúvida, busque ajuda de um consultor ou de uma corretora.

Quer saber mais sobre o seguro de vida ou outros tipos de seguro? Siga nossas redes sociais e acompanhe todas as informações e dicas. O seguro de vida é uma garantia para casos de imprevistos. Assim como protegemos nossos bens materiais fazendo seguro de carros e até de eletrônicos, devemos ficar atentos também à nossa segurança financeira assim como dos familiares e ou aqueles envolvidos diretamente com as nossas finanças. Entender as diferenças entre os seguros oferecidos pelo mercado é essencial para fazer a melhor escolha para as suas necessidades.

Seguros de vida individual

O seguro de vida individual é aquele que envolve duas partes: a seguradora e o segurado. Ou seja, o indivíduo (pessoa física) é o responsável pela contratação e pelo custeio da apólice. Ele é feito de acordo com a individualidade de cada segurado.  As características pessoais, como idade, sexo, estado civil, estilo de vida, profissão e condições de saúde são consideradas para a definição das coberturas.

As garantias, prêmio, prazo e forma de pagamento são negociados entre as duas partes.

Seguro de vida em grupo

Já o seguro em grupo é aquele que envolve três partes: a seguradora, uma empresa e ou associação profissional, entidades de classe, e os segurados. Nesse caso, uma pessoa jurídica chamada estipulante, é quem vai ser responsável pela contratação e custeio da apólice.  Ele é feito de acordo com o que o estipulante define.

As garantias, prêmio, prazo de vigência dentre outras condições são de escolha da empresa sem negociação isolada com os segurados, que já ingressam em uma apólice existente e pré-determinada.

Qual seguro de vida escolher?

Podemos dizer que as grandes diferenças entre o seguro de vida individual ou em grupo é o nível de personalização, “controle” da apólice e contratação.

Em ambas as modalidades, o seguro de vida é uma forma de se proteger financeiramente contra imprevistos que podem acontecer com qualquer um. Ele pode ajudar a garantir as condições necessárias para arcar com diversas despesas, auxiliar no sustento dos dependentes, ou ainda garantir a renda se a pessoa ficar impossibilitada de gerá-la.

No caso do seguro coletivo, que em quase todos os casos, está atrelado à empresa que o segurado é contratado, só garante os benefícios enquanto a pessoa estiver empregada, ou seja, em caso de demissão perde-se o seguro. Uma das vantagens desse seguro de vida é o menor preço em decorrência da forma simplificada de contratação.

Já com o seguro individual que é feito com base na vida e condições do indivíduo, é possível personalizar e incluir benefícios para ser usado ainda em vida, o que dificilmente ocorre nas apólices coletivas. Ou seja, se preferir ter mais controle sobre seus direitos enquanto segurado, é indicado que se faça um seguro de vida individual, mesmo que já seja faça parte de um seguro coletivo.

Mas Lembre-se: para aproveitar todos os benefícios de um seguro de vida, é importante ter conhecimento das coberturas, condições e validade da apólice.  Na dúvida, busque ajuda de um consultor ou de uma corretora.

Quer saber mais sobre o seguro de vida ou outros tipos de seguro? Siga nossas redes sociais e acompanhe todas as informações e dicas.  FacebookInstagram

 

7Ases

7Ases

Leave a Replay

Assine nossa Newsletter

Inscreva-se
Toda semana artigos novos que irão te interessar sobre seguros.
Inscreva-se